Redefinir os limites dos desportos de competição.

O duelo é a essência histórica da Arte Marcial Chinesa e a sua representação contemporânea é o Sandá, uma das duas disciplinas oficiais de competição do Wushu moderno. É uma forma de combate livre em plataforma elevada chamada “leitai”, em que os atletas competem usando equipamento de proteção. À excepção de técnicas e métodos ilegais, os atletas de Sandá podem aplicar técnicas de braços, de pernas e projecções de todos os estilos de wushu.

O JOGO NO LEITAI

O jogo é composto por 2 rounds, 3 rounds no máximo em caso de empate. Cada round tem a duração de dois minutos com um período de descanso de um minuto entre rounds. As áreas válidas para marcação de pontos são: a cabeça, o tronco (incluindo o tórax, abdómen, cintura e costas) e as pernas. Os ataques full-contact são de dinâmica livre e emocionante, e os pontos são atribuídos aos atletas pelos juízes de linha lateral para técnicas executadas com sucesso, com base nos critérios de pontuação. Um atleta será declarado o vencedor se ele ou ela ganhar 2 dos 3 rounds possíveis de um combate, ou se o adversário sofrer knock-out. Há 11 categorias de peso masculinas e 7 femininas. Imagem no topo: IWUF